terça-feira, 23 de junho de 2009

ESGRIMA


Corremos atrás das
cores,
em busca de fagulhas
e enigmas.

Construímos as fábulas
e enterramos tesouros
nos porões da infância.

Atiramos as bolas
que não desceram ainda,
e não descerão pelo que sei.


Nesta louca busca,

abrimos estradas entre os ponteiros.

Embalamos batalhas

nesta esgrima

em que abatemos os dias



IMAGEM:http://www.flickr.com/photos/unmoco2/3641959026/

2 comentários:

  1. Lindo Georgio!

    Um passeio pela vida.

    Nesta louca busca,

    abrimos estradas entre os ponteiros.

    Embalamos batalhas

    nesta esgrima

    em que abatemos os dias.

    A batalha sagrada davida em poema!

    Parabéns, poeta!

    Beijos

    Mirse

    ResponderExcluir
  2. he visto el link y he pasado por aquí .·)

    saludos

    ResponderExcluir