domingo, 27 de setembro de 2009

DIÁLOGO COM CAIO E HOPPER



Night Windows, Edward Hopper


JANELAS

Todos os dias
da janela de minha casa
janelas escuras
apagadas

Já é tarde
é noite, é madrugada
e hoje janelas claras
acesas
do outro lado da rua

Lá dentro
algo aconteceu
pessoas preocupadas
deixam suas janelas
iluminadas


Alguns andam
em círculos, em vão
vão de lado a outro.


O outro está sentado
indignado
"como pode?"

Pode chorar
é válido
é o que faz alguém
no canto da sala.


Agora só resta
aquele que reza
e pede conforto
ou uma luz, que sai
pelas janelas
daquela casa.


Este poema acima é de Caio Rudá, um amigo que mesmo sem querer admitir que escreva boa poesia, compôs a peça ai de cima. Talvez esta insegurança seja apenas a falta de opinião de bons leitores. Eu disse que ele só teria leitores, e, por conseguinte, a opinião destes se o poema pudesse completar o ciclo que começa com a escrita e segue com a leitura e compreensão do leitor. Por isso estabeleci este diálogo poético com Caio. Para ler mais da escrita de Caio é só clicar AQUI


DA LUZ QUE FOGE DAS JANELAS

Um diálogo com Caio Rudá

No instante em que as luzes

fugiam,

e a alta voz dos lamentos

da minha casa

e da boca aberta

da minha janela,

emanavam os sons

e lampejos de alguma vela

distante

dos passos ansiosos

da mediana da sala.

Uma pequena ilha de

luz, vista de longe,

e a cena da descida

que faziam as lágrimas,

ondas de luz

que fogem das janelas da minha casa.




2 comentários:

  1. Caro Georgia, caí aqui por acaso e fiquei uns 10 minutos, sentindo e contemplando. Muito bom o blog, o layout! A estrutura, enfim.

    A poesia e sensibilidade reina aqui, gosto!

    Sou seu novo seguidor, já te linko ao meu espaço, até!

    ResponderExcluir
  2. Grande Georgio!

    Vim agradecer a força da divulgação e também por ter me lançado na poesia. Tenho certeza que não fossem nossas conversas eu nunca teria ficado de bem com os versos.

    O poema ficou maravilhoso. Você apreendeu bem a essência do meu. "Uma pequena ilha de luz" - essa foi uma imagem bacana.

    E viva o Hopper, ajudando no diálogo!

    ResponderExcluir