quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Divulgação!




Sinopse Oficial:


“Com Tabua, Carlos Tourinho de Abreu revela num texto envolvente não apenas o seu talento como escritor, mas também um olhar crítico sobre o Brasil contemporâneo. Situando-se entre os anos 1980 até a atualidade, a narrativa possui muitas vezes tom de suspense, apresentando uma sequência de revelações que fazem o leitor ficar estarrecido.

Conta a história de Guina, recheada de reviravoltas, desde a sua infância marcada pela pobreza numa realidade de interior, até a vida adulta, mais confortável – porém, nem tanto – no universo metropolitano. Trata-se de uma grande denúncia que vem a mostrar que, apesar de o Brasil ter evoluído na aparência, essencialmente permanece o mesmo no jogo de interesses dos ruralistas que se intrometem vorazmente na política; na troca de favores; no individualismo e ambições desmedidos; no tratamento hostil e preconceituoso contra as camadas mais populares; na criminalidade encomendada, entre outros aspectos.

Contudo, o retrato que o autor delimita não é um apocalipse completo. Ainda se pode acreditar que existem pessoas de bom coração, a exemplo de personagens feito Seu Fran que, mesmo cerceados em muitos momentos, não deixam de praticar a bondade e a generosidade. Também se pode ter esperança quando vem à tona o amor puro e verdadeiro de personagens como Guina que, mesmo em instante de total desilusão e desespero, não perdem o sonho maior.”



4 comentários:

  1. Grande Georgio! Obrigado pela divulgação! Fiquei muito feliz ao ver o post! Caso os seus leitores queiram mais informações, basta acessar o meu site! http://www.carlostourinhodeabreu.com.br/
    Se puder cole no post. Agradeço mais uma vez de coração e precisando, estamos aí! Abração!

    ResponderExcluir
  2. Sempre interessante, a vida literária desse lado do mar!

    bj

    ResponderExcluir
  3. O livro é simplesmente maravilhoso! Tenho que cofessar que quase choro no final... :) Já estou com saudades... Eu sou de Feira de Santana - BA, portanto conheço gente das "terras ermas" do interior esquecido pelos nossos governantes, e você simplesmente consegue extrair a essência desse povo. Lindo, simplesmente lindo. Mais uma vez parabéns (inclusive pelo blog) e através da sua ficção pude daqui de São Paulo mais uma vez lembrar que o nosso povo apesar de sofrido, nunca perde a esperança e nunca esqueçe seus sonhos. Marina!

    ResponderExcluir
  4. Olá Georgio!

    LEIA O CAPÍTULO 1 AQUI!
    http://www.4shared.com/document/LZZoV3UV/Tabua_Carlos_Tourinho_de_Abreu.html

    ResponderExcluir